Por que refrigerante em garrafa de vidro é mais gostoso?

Não há nada como tomar o primeiro gole de um refrigerante bem geladinho, especialmente nos meses de verão. No entanto, suas papilas gustativas já notaram que há uma ligeira diferença de sabor entre beber o mesmo refrigerante de uma lata de alumínio e uma garrafa de plástico ou de vidro?

As empresas de refrigerantes costumam afirmar que a receita de suas bebidas não muda, independente do recipiente na qual elas são envasadas. Na verdade, o que muda é o material da embalagem, sendo que é isso o que pode alterar o sabor.

Embora não seja uma mudança drástica de um modo geral, muitas pessoas podem realmente detectar uma notável diferença, como veremos ao longo deste artigo.

A razão pela qual o refrigerante em garrafa de vidro é mais gostoso

Geralmente, as pessoas costumam dizer que o refrigerante na garrafa pet tende a ser mais “desgostoso”. Na prática, isso acontece porque o plástico é muito mais permeável ao dióxido de carbono do que o vidro e o alumínio, o que significa que o dióxido de carbono, causador da efervescência da bebida, vazará de uma garrafa de plástico muito mais rápido do que de uma garrafa de vidro ou latinha.

Além disso, devemos notar que as garrafas de plástico têm um revestimento de acetaldeído que pode ser transferido para o sabor da bebida, conferindo-lhe um leve “sabor plástico”. Embora esse sabor desagradável seja difícil de evitar em uma garrafa de plástico, você não encontrará algo parecido na boa e velha garrafa de vidro.

Os polímeros são as moléculas dentro da embalagem que podem adicionar propriedades ao material armazenado. Por exemplo, latas de alumínio são revestidas com um polímero que pode absorver pequenas quantidades de sabor, enquanto que as garrafas de plástico podem transferir o tal acetaldeído.

Por sua vez, o refrigerante em uma garrafa de vidro tende a ficar mais fresco por mais tempo porque é muito mais difícil para o dióxido de carbono escapar por esse tipo de recipiente, sem falar que o vidro é um material mais inerte que o alumínio ou o plástico, por isso é menos provável que ele afete o sabor da sua bebida.

Na ausência da garrafa de vidro, escolha as latinhas de alumínio

Se você não conseguir encontrar garrafas de vidro e acabar se sentindo forçado a escolher entre a latinha de alumínio e a garrafa de plástico, fique com a latinha.

Como observa o Reader’s Digest, o dióxido de carbono que dá ao refrigerante seu sabor efervescente e refrescante tem mais probabilidade de vazar de garrafas de plástico do que de latas de alumínio, pois o plástico é muito mais permeável ao CO2.

No entanto, se a garrafa de plástico for a única opção disponível, procure armazená-la em um local fresco e escuro, longe da luz solar, pois o local de armazenamento e a própria temperatura ambiente podem alterar consideravelmente o sabor da bebida.

Uma palavra final

Como você pode ver, no fim das contas, o tipo de recipiente que armazena qualquer alimento ou bebida pode influenciar diretamente o seu sabor. No caso do refrigerante, bebê-lo a partir de uma garrafa de vidro costuma ser a maneira mais eficaz de obter o sabor mais puro da bebida.

Também é importante observar que os órgãos de vigilância sanitária devem monitorar de perto as embalagens de alimentos para garantir que produtos químicos tóxicos ou perigosos não vazem para comidas ou bebidas. De fato, uma infração desse tipo pode levar a multas graves ou até mesmo causar interdição completa das atividades dos fabricantes.

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

Exercícios para os olhos podem ajudar a melhorar a visão?

Próximo Artigo

Por que tomar cerveja provoca arrotos?

Postagens Relacionadas