Por que os dentes são tão sensíveis à dor?

Os dentes desempenham funções de grande importância, sendo responsáveis pela mastigação dos alimentos, pela articulação das palavras e até mesmo como um fator determinante na estética bucal. Entretanto, se os dentes são estruturas tão primordiais para o organismo, por que são tão sensíveis à dor? Não seria melhor se eles pudessem aguentar firme sem promover desconforto?

Apesar de todo o desconforto envolvido, a verdade é que há um bom motivo para nossos dentes serem tão sensíveis à dor, como veremos ao longo deste artigo.

Dentes são sensíveis por uma questão de proteção

De um modo geral, a dor de dente serve como um mecanismo de defesa que garante que, se os dentes estiverem sendo danificados, logo notaremos e faremos algo a respeito.

Se você comer algo muito quente ou mastigar algo muito frio, ou se o dente em questão estiver desgastado ao ponto do tecido subjacente ficar exposto, todas essas coisas causarão dor. Consequentemente, isso fará com que você evite usar o dente para tentar protegê-lo um pouco mais. Portanto, os dentes são sensíveis por conta de um mecanismo de proteção do próprio corpo.

Na prática, se os dentes não sentissem dor alguma, poderíamos continuar a usá-los em situações que os prejudicariam seriamente. Isso é especialmente importante para os humanos, visto que, quando danificados, os dentes adultos não são substituídos naturalmente, ao contrário do que acontece com os tubarões e crocodilos.

É tudo culpa da polpa

Os dentes contam com três camadas, das quais apenas uma (a camada mais interna do dente) é sensível à dor. Essa camada mais interna do dente é chamada de polpa e contém um grande número de vasos sanguíneos e nervos. A dor é a única sensação à qual os nervos da polpa respondem.

A dentina, a camada intermediária, está viva, mas sem nervos; entretanto, a dentina contém fluido que se move conforme os dentes se movem, de modo que a polpa pode sentir o movimento deste fluido e responder a esse estímulo. A terceira camada, a mais externa, é o esmalte branco e duro do dente, que não é vivo e, portanto, não pode sentir absolutamente nada.

Ligamento afetado também pode explicar dentes sensíveis

Embora seja a única parte do dente que contém nervos, a polpa não é a única fonte de dor do ambiente dentário. O ligamento periodontal, que fixa o dente ao osso maxilar e detecta o posicionamento dos dentes enquanto mastigamos, também pode reagir com um estímulo da dor.

Vale destacar que qualquer pessoa que tenha feito tratamento ortodôntico dirá que seus dentes ficaram doloridos ao longo do processo. Pois bem, essa sensação geralmente vem do ligamento periodontal.

Como a detecção da dor ocorre tanto na polpa quanto no ligamento periodontal, pode ser um tanto complicado para as pessoas saber de onde vem a dor de dente. Descobrir isso, portanto, é um dos principais desafios enfrentados pelos dentistas no dia a dia de trabalho.

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

Por que tantas pessoas têm dor nas costas?

Próximo Artigo

12 Curiosidades incríveis sobre o coração

Postagens Relacionadas