Por que as aves voam em formação de V?

Você já observou com atenção um grande grupo de pássaros voando no céu? Se sim, então você já deve ter notado que muitos grupos voam em uma formação que basicamente se assemelha à letra “V” do nosso alfabeto. A “formação de V”, também conhecida como “formação Echelon”, é frequentemente vista em bandos de aves migratórias (como gansos) que viajam por longas distâncias.

De um modo geral, isso costuma parecer elegante para os espectadores, mas você já se perguntou qual é a verdadeira razão por trás desse padrão de voo específico dos pássaros? Bem, é isso o que iremos analisar ao longo deste artigo!

As aves voam em formação de V para poupar energia

Trata-se de uma questão de aerodinâmica: quando a ave que encabeça o bando bate as asas, vencendo a resistência do ar, forma-se atrás dela um vácuo que ajuda as outras a planar por mais tempo e com menos esforço. Em outras palavras, as aves poupam energia quando voam dessa forma.

Na prática, é exatamente por isso que os pássaros que seguem o líder geralmente não precisam bater suas asas tantas vezes quanto o líder do grupo, afina, eles podem simplesmente deslizar e permanecer no ar.

Então, como é definido o líder do bando?

Bem, a verdade é que não existe um líder constante em um bando de aves. Na prática, o que realmente acontece é que os pássaros se revezam constantemente na liderança do grupo.

O pesquisador Bernhard Voelkl e seus colegas do departamento de zoologia da Universidade de Oxford conduziram um estudo para descobrir mais sobre o comportamento de voo das aves e descobriram que um pássaro passa cerca de 32% do seu tempo voando atrás de outro pássaro, o que dá uma ideia da precisão que há por trás dessa técnica tão utilizada por essas criaturas.

Vale destacar que o momento exato em que os pássaros batem suas asas é crucial para todo esse processo. Basicamente, as aves que voam atrás do líder têm que ajustar seu próprio tempo de batimento de asas para coincidir com a zona de movimento da sustentação livre que sai das asas do pássaro que voa na frente. Desta forma, as aves são capazes de extrair o máximo benefício (em termos de usar menos esforço) deste padrão.

Uma palavra final

Então, aí está: os pássaros voam em uma formação em V porque, quando fazem o uso desse padrão, são capazes de extrair o máximo potencial de voo gastando menos energia. Como a ave que fica à frente do grupo precisa desempenhar mais esforço para a operação funcionar adequadamente, a liderança é revezada continuamente ao longo de toda a jornada de deslocamento dessas criaturas.

Curiosamente, essa formação também é bastante utilizada em shows aéreos e operações de aeronaves militares. Dito isto, é interessante pensarmos que a premissa básica por trás de várias apresentações aéreas foi completamente inspirada no mundo natural, mais especificamente nos bandos de pássaros inteligentes que temos admirado por milhares de anos!

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

Quem inventou a máscara de gás?

Próximo Artigo

Por que sonhamos?

Postagens Relacionadas