Por que a vaca é considerada sagrada na Índia?

Você já parou para pensar o motivo de os habitantes da índia considerarem a vaca um Deus? A tradição nasceu com o hinduísmo. Os Vedas, coletânea de textos religiosos de cerca de 1500 a.C., comentam a fertilidade do animal e o associam a várias divindades. Outra escritura hinduísta fundamental, o Manusmriti, compilado por volta do século I a.C., também enfatiza a importância da vaca para o homem.

Nos séculos seguintes, foram criadas leis elevando gradualmente o status religioso bovino. No sistema de castas que ainda vigora na sociedade indiana, a vaca é considerada mais “pura” até do que os brâmanes (indivíduos pertencentes à casta mais elevada, dos sacerdotes) – por isso, não pode ser morta nem ferida e tem passe livre para circular pelas ruas sem ser incomodada. O leite do animal, sua urina e até mesmo suas fezes são utilizados em rituais de purificação.

A adoração, no entanto, não é unanimidade entre os hindus e suscita debates inflamados no país. Em seu livro The Myth of Holy Cow (“O Mito da Vaca Sagrada”, sem tradução para o português), o historiador indiano Dwijendra Narayan Jha, da Universidade de Délhi, sustenta a tese de que o hábito de comer carne era bastante comum na sociedade hindu primitiva e condena o “fundamentalismo em torno da santificação do animal”, imposto pelos principais grupos religiosos da Índia.

Estes mesmos grupos, é claro, baniram o livro e recomendaram que os exemplares à venda fossem queimados. Ainda mais depois que o autor confessou o hábito de comer um filé malpassado de vez em quando.

Se você já foi para o país ou até mesmo viu a novela da Rede Globo, Caminho das Índias com certeza percebeu esse tratamento diferenciado ao animal, lá a vaca pode entrar em uma loja e deve ser tratada como um cliente, digo, até mais que um cliente.

Os vedas, acervo de textos religiosos de cerca de 1500 a.C., comentam sobre a fertilidade do animal e também a comparam com várias divindades, em outras escrituras hinduísta chegam a dizer o quão importante a vaca é para o homem. E nos séculos seguintes, talvez por esses registros, a vaca começou a ter um status religioso.

No sistema de castas, a vaca é considerada mais “pura” que alguns povos da Índia, no caso os Brâmanes que são indivíduos pertencentes à casta mais elevada, dos sacerdotes e é por esse motivo também que o animal não pode ser morto nem ferido  e como dito no inicio ela tem liberdade para andar nas ruas.

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

Avião ou Helicóptero, qual é mais seguro?

Próximo Artigo

Como é formado o Arco-íris?

Postagens Relacionadas