Os canhotos são mais inteligentes?

Os canhotos representam apenas 10% da população global, mas uma rápida análise revela que muitas pessoas geniais são canhotas. Michelangelo, Leonardo da Vinci, Paul McCartney, David Bowie, Jimi Hendrix, James Baldwin, Nikola Tesla, Bill Gates e Steve Jobs são alguns bons exemplos. É uma lista impressionante, mas o que realmente esses dados dizem? Os canhotos são mais inteligentes do que os destros?

Para investigar essa questão, pesquisadores analisaram as diferenças no desempenho matemático de mais de 2.300 alunos destros e canhotos com idades entre 6 e 17 anos na Itália. Embora não tenha havido diferença para os problemas matemáticos mais fáceis, os alunos canhotos tinham uma vantagem significativa nos problemas mais difíceis, de acordo com um estudo de 2017 conduzido por Giovanni Sala, professor do Instituto de Ciência Médica Abrangente da Fujita Health University no Japão.

Mas por que a mão dominante de uma pessoa pode ter algo a ver com inteligência e habilidades matemáticas?

Afirmar que os canhotos são mais inteligentes é uma questão complexa

Nas últimas décadas, o canhotismo passou a ser associado a algumas diferenças surpreendentes na arquitetura do cérebro. Uma meta-análise de 1995 de 43 estudos publicada na revista Psychobiology determinou que os canhotos possuem um corpo caloso (o feixe de fibras nervosas que conecta os dois hemisférios do cérebro) significativamente maior que o dos destros.

Uma possibilidade é que a conexão mais forte entre os dois hemisférios permite que o sujeito canhoto tenha habilidades espaciais mais fortes. Ainda assim, a verdade é que isso está longe de servir como uma resposta definitiva, pois outros dados mostram que os destros podem ter uma ligeira vantagem intelectual sobre os canhotos em certos aspectos.

Um estudo de 2017 publicado na revista Neuroscience and Behavioral Reviews revisou 18 outros estudos que incluíram dados de mais de 20.400 pessoas e chegou à conclusão de que os destros tinham QIs um pouco maiores do que os canhotos, em média.

No fim das contas, isso significa que o campo científico ainda está tentando descobrir se é o grau de preferência da mão que está associado à inteligência e se realmente existe alguma relação entre a habilidade relativa com a mão e a inteligência.

Canhotos já sofreram bastante no passado

O canhoto nem sempre foi visto sob uma luz tão positiva. De fato, o canhotismo já foi descrito como uma “doença” tão séria e problemática quanto o raquitismo e a pneumonia.

O preconceito contra canhotos tem raízes profundas e está embutido até hoje em nossa própria linguagem. Por exemplo, ser o “braço direito” de alguém é algo bom, mas “começar o dia com o pé esquerdo” é algo ruim. Até mesmo a própria palavra “direito” recebe as honras adicionais de geralmente indicar algo factualmente correto, moralmente justificado ou legal.

A boa notícia é que esses preconceitos apenas tornam os numerosos canhotos que se tornaram ícones históricos e contemporâneos pessoas ainda mais impressionantes.

Uma palavra final

Como a grande maioria da população é destra, muitos dispositivos são projetados para serem usados somente por pessoas destras, tornando mais difícil o seu uso por canhotos. Por outro lado, os canhotos têm uma vantagem esportiva que envolve mirar em um alvo na área de controle dos adversários. Como resultado, eles costumam ser muito bem representados em modalidades como beisebol, tênis, esgrima, críquete e boxe.

Existem várias teorias de como uma pessoa se torna canhota. As ocorrências durante o desenvolvimento pré-natal parecem ser importantes, mas ainda há muitas dúvidas sobre esse assunto que precisam ser respondidas com mais estudos e pesquisas.

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

12 Curiosidades incríveis sobre tipos sanguíneos

Próximo Artigo

12 Curiosidades incríveis sobre as baratas

Postagens Relacionadas