As fezes dos pássaros podem danificar a pintura dos carros?

De certo modo, os pássaros parecem considerar os veículos de transporte como os locais ideais para despejar seus resíduos. De fato, parece até haver uma certa indicação de que carros vermelhos são mais propensos a receber as fezes dos pássaros do que automóveis de outras cores, possivelmente devido ao fato dessa cor ser mais atraente aos olhos desses animais.

Ainda assim, independentemente da cor, marca e modelo do seu carro, as fezes dos pássaros (aqueles respingos de excremento que tantas vezes caem no teto e no capô do seu veículo) podem causar mais problemas do que parece. Na verdade, elas podem até danificar o acabamento da pintura do seu carro, como veremos ao longo deste artigo.

O problema com os excrementos dos pássaros é que eles são uma espécie de híbrido de cocô e urina. Na prática, os pássaros eliminam os resíduos por meio de seu órgão intestinal e reprodutivo multifacetado conhecido como cloaca, misturando fezes e urina com alta acidez.

Por causa de toda essa “mistura ácida”, quando um pássaro deixa cair sua carga na superfície do seu veículo, o excremento pode danificar o revestimento da tinta, resultando em uma marca facilmente visível. Em outras palavras, as fezes dos pássaros agem como um material corrosivo na pintura dos carros.

É importante deixar claro que o efeito pode ser ainda pior em dias quentes. Isso porque os raios do sol tendem a fazer com que a tinta se expanda, tornando-a ainda mais suscetível ao perfil ácido das fezes dos pássaros. Se as condições forem adequadas, os excrementos poderão deixar uma marca permanente em minutos.

Qual seria uma possível solução para esse problema?

A melhor solução seria, obviamente, a prevenção. O ideal é manter o carro na garagem ou sob a cobertura de um estacionamento. Como isso nem sempre é possível, você pode experimentar passar uma camada de cera sobre a lataria do veículo, o que vai lhe dar mais tempo para limpar a sujeira antes que ela venha a causar danos definitivos.

Quando se trata da limpeza dos dejetos, utilizar um spray de limpeza e um pano de microfibra costuma ser uma das melhores maneiras de resolver o problema. No entanto, evite esponjas e toalhas, que podem ser muito abrasivas para o acabamento do carro.

Uma mangueira de jardim também pode ajudar a fornecer água constante para eliminar todos os excrementos. Algumas pessoas também defendem o uso de sprays da linha WD-40, mas como isso pode danificar a cera, procure evitar essa opção como a sua primeira escolha.

Uma palavra final

Quando o cocô do pássaro bater no para-brisa do seu carro, não use os limpadores, pois eles podem mover os detritos presentes nos excrementos e, potencialmente, arranhar o vidro. Por isso, caso venha a ser “atingido” em plena direção, pare o carro assim que puder e siga os mesmos passos citados anteriormente para remover os excrementos.

Para as fezes de pássaros que foram deixadas para durar e causaram corrosão, a solução pode ser complicada, embora não impossível de resolver. Danos mais profundos podem exigir serviços específicos, então não deixe de procurar estabelecimentos especializados caso seja necessário.

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

Por que a bola de basquete é laranja?

Próximo Artigo

Quem inventou a máquina de lavar?

Postagens Relacionadas