12 Curiosidades interessantes sobre casamentos

Casamentos são realizados em todo o mundo, todos os dias. Nós vemos casamentos na TV, em filmes e provavelmente assistimos presencialmente a pelo menos alguns deles ao longo de nossas vidas. Mas o quanto realmente sabemos sobre o matrimônio e suas cerimônias?

Neste artigo, tomamos a liberdade de pesquisar e encontrar 12 fatos curiosos fascinantes sobre as tradições dos casamentos. Você vai ver que cada detalhe por trás dessas cerimônias têm suas próprias histórias.

1. A existência das alianças de casamento pode ser rastreada desde os antigos egípcios, mas você já se perguntou por que usamos a aliança no quarto dedo das mãos? A tradição de colocar a aliança no dedo anelar tem uma explicação interessante: os antigos romanos acreditavam que uma veia do dedo anelar esquerdo dava direto no coração. Se isso não parece um raciocínio romântico, não sei o que é…

2. Embora atirar pétalas não seja uma tradição tão comum como já foi, as floristas já foram muito importantes. Além de fornecer apelo estético, acreditava-se que as pétalas lançadas no caminho da noiva a abençoavam com um casamento bom e abundante. Nesse caso, o termo “abundante” quer dizer “muitos bebês”.

3. Casamentos repletos de itens de cor branca podem estar na moda em muitos lugares, mas eles ainda são evitados em outros. Devido à associação do branco com o luto em certas culturas orientais, um vestido de noiva branco é uma coisa rara de se ver em alguns países asiáticos. Em vez disso, as noivas usam cores vibrantes.

4. O véu de casamento já teve um propósito funcional, pelo menos da perspectiva dos antigos gregos e romanos. Além de sua beleza, essa camada de tecido transparente era considerada um escudo para a noiva contra os espíritos malignos.

5. O termo “lua de mel” tem uma tradição literal em sua raiz. Na antiga cultura nórdica, era costume que os casais recém-casados ​​se distanciassem dos conhecidos após o casamento e pelo espaço de uma lua (um mês) eles recebiam diariamente uma xícara de mel de um membro da família.

6. No caso da noiva estar em perigo, mesmo com o uso do véu, os romanos ainda tinham um “plano b”. A ideia era vestir as damas de honra de forma idêntica à noiva. Isso porque acreditava-se que esse código de vestimenta confundia os espíritos malignos que buscavam amaldiçoar a noiva.

7. Você já se perguntou por que a noiva costuma ficar à esquerda do noivo? Bem, acreditava-se no passado que, desse modo, o noivo ficaria com o braço direito livre para lutar contra outros pretendentes que pudessem roubar sua amada. Romântico e assustador ao mesmo tempo, não?

8. Tradicionalmente, as noivas japonesas já vestiam branco, mas esse costume só chegou ao ocidente na década de 1840, quando a rainha Vitória usou um vestido branco em seu próprio casamento. Antes disso, era comum as mulheres usarem seus melhores vestidos, o que, de certa forma, parece ser mais prático do que andar por aí como um traje fácil de ser manchado.

9. Por que comemos bolo em casamentos? Bem, parece que essa tradição começou na Roma antiga. No entanto, o tal “bolo de casamento” não era nada mais que um tipo de pão que era destruído na cabeça da noiva como um símbolo de boa sorte.

10. Como vestidos brancos, bolos de casamento brancos também denotam pureza. No entanto, antes que o ingrediente principal do bolo fosse um alimento básico, o açúcar puro tinha um preço muito alto. Por conta disso, a “brancura” de um bolo de casamento também indicava a riqueza e o status do casal.

11. Aparentemente, dinheiro realmente não pode comprar felicidade (pelo menos não nos casamentos). Na verdade, altas quantias gastas no dia do casamento preveem estatisticamente taxas de divórcio mais altas. O mais surpreendente é que os casais que pagam bem menos do que a média para a realização do casamento também têm uma taxa de divórcio menor do que a média.

12. Os casamentos realizados na Idade Média apresentavam buquês de ervas, não arranjos florais. Esses buquês geralmente continham alho, que se pensava afastar o mal. Bizarro pensar em um “buquê de alho” nos dias de hoje, não?

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

Quem inventou o LED?

Próximo Artigo

Quem inventou o trompete?

Postagens Relacionadas