12 Curiosidades incríveis sobre foguetes

Desde a invenção da pólvora na China, há mais de sete séculos, os seres humanos têm enviado cilindros aos céus com a ajuda de explosões controladas. Essas máquinas gigantes, denominadas foguetes, têm desempenhado muitos papéis de grande importância tecnológica ao longo da história.

Percorrendo enormes distâncias para garantir o progresso tecnológico, os foguetes melhoraram nossas vidas de maneiras do que você talvez nem imagine. Dito isto, prepare-se para iniciar a nossa jornada rumo a uma compilação de fatos pra lá de interessantes sobre os foguetes. Confira:

1. Em sua forma mais simples, um foguete é simplesmente uma câmara que se desloca expelindo atrás de si um fluxo de gás. Curiosamente, se seguirmos essa linha de pensamento, podemos dizer que um balão é, na verdade, um foguete. Embora haja variações, um foguete moderno é tipicamente uma pilha de componentes em forma de tubo que carregam propelentes (combustível e um oxidante) e um ou mais motores equipados com dispositivos de estabilização, além de um bico para aceleração e expansão de gases. Simples, não?

2. O desenvolvimento de foguetes surgiu na China em 1232 d.C., quando os chineses decidiram usar projéteis de pólvora em batalha. No entanto, há evidências que sugerem que eles estavam fazendo experiências com prototípicos de foguetes já em 995 d.C.

3. O uso de artilharia de foguetes de cilindro metálico surgiu em 1792, quando os governantes de Mysore, na Índia, desenvolveram a tecnologia. Eventualmente, os indianos foram derrotados pela Grã-Bretanha, e os britânicos aprimoraram o desenvolvimento dos foguetes ao longo do século XIX.

4. Para ser capaz de atravessar a gravidade da Terra, um foguete precisa viajar a uma velocidade de 11,2 quilômetros por segundo. Nem é preciso ser um cientista para saber que essa coisa viaja muito rápido, não é mesmo?

5. O físico Robert H. Goddard é muitas vezes considerado o pai da ciência moderna dos foguetes, já que ele desenvolveu um foguete de propelente líquido em 1926, que acabou por ser o progenitor do foguete Saturn V, lançado 43 anos depois.

6. Em 1881, a história dos foguetes deu uma guinada para um lado mais obscuro quando Nikolai Ivanovich Kibalchich, um dos pioneiros dos foguetes da Rússia, participou do assassinato do czar Alexandre II. Como um grande especialista em explosivos, Kibalchich atirou quatro projéteis no czar e o matou. O gênio de 27 anos seria preso e executado tempos depois, mas ele ainda trabalharia duro em equações matemáticas durante seu tempo na prisão.

7. A Alemanha foi o primeiro país a produzir um foguete capaz de cruzar as fronteiras do espaço. O famoso foguete V2 da Segunda Guerra Mundial foi um míssil balístico lançado pelos nazistas na Inglaterra e na Bélgica.

8. O icônico foguete Saturn V, de 111 metros de altura, foi desenvolvido especialmente para lançar os astronautas da missão Apollo e usou 1,2 milhão de litros de oxigênio líquido para entrar em combustão.

9. Os foguetes modernos usam os tipos de combustível sólido e líquido. Os ônibus espaciais são equipados com dois propulsores de combustível sólido e três motores de combustível líquido para se propelirem.

10. Já houve mais de 5 mil lançamentos de foguetes ou satélites em todo o mundo até agora, com mais de 500 deles saindo do Cabo Canaveral da NASA.

11. Os países mais avançados em termos de tecnologia de foguetes usam a tecnologia de combustível criogênico. Isso significa que os propelentes dos foguetes são resfriados, de modo que H2 e O2 podem ser usados como combustível e oxidante.

12. A mais nova aventura no mundo dos foguetes é o desenvolvimento do veículo de lançamento Heavy-lift, que é um veículo com capacidade para transportar cargas massivas e grandes quantidades de pessoas para o espaço de forma econômica e eficiente. Com o desenvolvimento de veículos de lançamento desse tipo, a exploração interplanetária poderá se desenvolver rapidamente.

E então, sabia todas estas coisas?

Vamos aprender, sempre! Conhecimento é sempre bem vindo. Lembre-se de deixar a sua opinião nos comentários e se tiver mais alguma curiosidade para compartilhar, estamos ansiosos para saber.

Total
0
Shares
Artigo Anterior

O que acontece com o corpo humano após a morte?

Próximo Artigo

Conheça Isaac Sprague: O Esqueleto Vivo!

Postagens Relacionadas